Mulher é agredida e estuprada por três homens, que filmam o ato

Uma jovem de 21 anos denunciou à Polícia Militar ter sido drogada, estuprada e espancada por três homens em Várzea Grande na noite da última terça-feira (01). Segundo a vítima, o trio teria filmado tanto a agressão física quanto a sexual.

 

De acordo com o boletim de ocorrência, a mulher foi convidada a beber na casa de um homem identificado pelas iniciais V.P.B., 46 anos, no Distrito de Bom Sucesso. Quando chegou ao local, ela encontrou o dono da casa e mais dois desconhecidos, que começaram a ameaçá-la.

 

A vítima informou à Polícia que os homens a obrigaram a consumir drogas e que, quando estava sob o efeito dos entorpecentes, ela teria sido agredida com socos, chutes e puxões de cabelo.

 

Ainda de acordo com o boletim, a jovem informou que foi estuprada por um homem baixo e magro. Durante as agressões, os três homens falavam que ela estava pagando por algo que seu marido teria feito.

 

Segundo a vítima, V.P.B. não a teria violentado sexualmente, porém a agrediu fisica e verbalmente, inclusive a ameaçando de morte. A mulher informou ainda que os homens teriam gravado vídeos de toda a agressão.

 

Depois de algumas horas, os dois homens teriam ido embora da casa e V.P.B. a manteve em cárcere privado e nua. Então a vítima aproveitou quando o suspeito dormiu para fugir da casa, pulando os muros.

 

Ao fugir a jovem conseguiu localizar uma viatura da Polícia Militar, que a encontrou com ferimentos no pescoço, braços, nádegas, coxas e pés.

 

A PM se deslocou então para a casa de V.P.B., que foi preso em flagrante. Em depoimento à polícia, ele alegou que não conhece os outros dois suspeitos do crime, que ainda não foram localizados.

 

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte;MidiaNews/01/jane/2019

Deixe Sua Opinião ! Aviso: As opiniões São de Inteira Responsabilidade dos Autores e não representam a opinião do site Bela Vista MSNEWS. É Vedada a inserção de comentários violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, apos identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.