Justiça determina que pai e madrasta suspeitos de espancar bebê até a morte continuem presos

Durante audiência de custódia na tarde desta sexta-feira (16) a Justiça determinou que o casal acusado de espancar o bebê de 1 ano e 6 meses encontrado morto em casa, na cidade de Dourados, continue preso. O pai, lutador de MMA, e a madrasta, de 21 anos, foram presos em flagrante por maus tratos, na manhã desta quinta-feira (16).

De acordo com informações do site 94fmdourados, o lutador de 25 anos já foi transferido para a PED (Penitenciária Estadual de Dourados) por questões de segurança. A madrasta também deverá ser levada da delegacia de Polícia Civil, onde está detida, para alguma unidade prisional feminina no interior do Estado.

O laudo necroscópico que examinou a causa da morte  da criança mostrou que o bebê sofreu trauma de tórax, trauma na costela e o rompimento do fígado. Conforme o exame, as causas da morte foram choque hemorrágico, laceração hepática e trauma torácico abdominal, o que reforça a tese de espancamento apontada pelos investigadores.

As primeiras informações foram de que que o pai teria saído para trabalhar e deixou a criança com a madrasta. Os dois foram levados à delegacia para prestar esclarecimento.

Familiares disseram que a criança estava num colchão com a irmã quando começou a passar mal. A família percebeu a situação e viu que o menino estava engasgando.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi chamado, mas quando os socorristas chegaram, o bebê já estava morto.

Laudos médicos apontaram que o bebê de 1 ano e 6 meses encontrado morto em uma casa de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, já vinha sendo espancado em outras ocasiões.

Segundo o delegado Marcelo Batistela Damaceno, ficou constatado que o bebê tinha lesões antigas no pescoço e cabeça. Mas, durante o depoimento na delegacia o pai do menino disse que os ferimentos seriam da tentativa de reanimação do filho pela madrasta.

Fonte;Midiamax/17/08/2018

Deixe Sua Opinião ! Aviso: As opiniões São de Inteira Responsabilidade dos Autores e não representam a opinião do site Bela Vista MSNEWS. É Vedada a inserção de comentários violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, apos identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *