Suspeitos de matar mulheres são presos com restos humanos em carrinho de bebê

A confissão de um casal acusado de pelo menos 10 femicídios desencadeou um clima de terror no México após a descoberta de restos humanos em sua casa. A Procuradoria do Estado confirmou que encontrou restos humanos em baldes de água, geladeira e sacolas plásticas ao fazer busca na dos suspeitos no município de Ecatepec.

Eles foram identificados como Juan Carlos N. e Patricia N. A prisão aconteceu enquanto caminhavam com um carrinho de bebê com restos humanos que estariam deixando em um terreno próximo a residência.

Eles confessaram às autoridades sobre como eles cometeram os crimes que têm sido descritos como “feminicídio em série” pelo Procurador Geral do Estado do México, Alejandro Jaime Gómez Sánchez.

O procurador também observou que, de acordo com os depoimentos dos suspeitos, eles teriam cometido pelo menos 20 assassinatos que devem ser investigados. Na opinião do promotor, este suposto assassino mostra alegria quando conta os fatos porque parece que para ele “é uma questão de orgulho, ele nos dá esses dados com o desejo de aparecer na foto, que as pessoas o conheçam”. Há suspeita que ele tenha distúrbios psiquiátricos.

O casal foi preso em uma investigação que as autoridades fizeram sobre o desaparecimento de pelo menos três mulheres, que, segundo a investigação, poderiam em algum momento ter alguma relação com os assassinos. A investigação levou-os ao domicílio do casal femicida e, quando os viram sair, aproximaram-se deles para fazer perguntas e encontrar os restos humanos no carro de bebé que transportavam consigo.

A Procuradoria do México confirmou que nas últimas horas um bebê de dois meses foi recuperado que este casal vendeu depois de ter assassinado a mãe. Eles também poderiam ter negociado com os restos e roupas de suas vítimas, um extremo que está sendo investigado.

Fonte;24;horasNews/09/10/2018

Deixe Sua Opinião ! Aviso: As opiniões São de Inteira Responsabilidade dos Autores e não representam a opinião do site Bela Vista MSNEWS. É Vedada a inserção de comentários violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, apos identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *