DEM, PPS e Solidariedade adotam neutralidade sobre Bolsonaro e Haddad

A preocupação dos partidos com a decisão de apoiar ou não determinado candidato no segundo turno das eleições presidenciais fez com que três partidos optassem, nesta quarta-feira (10/10), pela neutralidade. São eles: Democratas (DEM), Partido Popular Socialista (PPS) e Solidariedade (SD). Segundo as legendas, os filiados estão livres para escolher entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT).

Em nota, para confirmar uma posição de neutralidade na disputa presidencial em segundo turno, o DEM afirmou, atacando o PT, que está “em sintonia com o sentimento nacional de mudança” e assume o compromisso de contribuir com a construção de um novo Brasil. “É o momento de substituir a prática do “toma lá dá cá” da velha política pelos verdadeiros interesses públicos”, diz o texto.

O PPS decidiu que a sigla não vai apoiar nenhuma das candidaturas que disputarão o segundo turno da eleição presidencial. Para o partido, as candidaturas de Bolsonaro e Haddad “trazem a marca de uma conflagração que alimenta radicalismos políticos sob a insígnia do ‘nós contra eles’, que ameaçam o próprio processo democrático”, diz o documento.

O Solidariedade tende a liberar a bancada de parlamentares e seus filiados no segundo turno. A executiva nacional do partido se reúne nesta quarta (10) para tomar a decisão, num hotel em São Paulo.

“Eu acho que tem gente de todo lado, uma maioria pró Haddad. Mas acho que o melhor caminho para o partido é liberar. A ideia que eu tenho é encaminhar a proposta de liberar. Quem quiser ajudar o Haddad vai ajudar, sem ter obrigação de apoiá-lo”, disse ao Estadão o presidente do partido, deputado Paulinho da Força (SP).

Jornalista: Thayna Schuquel

Fonte: Metrópoles/10/10/2018
Deixe Sua Opinião ! Aviso: As opiniões São de Inteira Responsabilidade dos Autores e não representam a opinião do site Bela Vista MSNEWS. É Vedada a inserção de comentários violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, ficando seus autores, apos identificado o IP, responsáveis civil e penalmente por seus conteúdos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *