20/09/2021

500 mulheres para calar 1 homem, diz Bruna Lombardi sobre João de Deus

A atriz Bruna Lombardi usou sua conta no Instagram para comentar as centenas de denúncias de abuso sexual contra João de Deus. A atriz, que visitou o médium em julho deste ano, fez um duro relato contra a impunidade nos casos de assédio. “Dói pensar que foi preciso quinhentas mulheres para calar a voz de um homem”, escreveu.

“As notícias, os relatos, as histórias de todas essas mulheres que tiveram a coragem, depois de tanta dor, de denunciar o abuso. E dói pensar que foi preciso quinhentas mulheres para calar a voz de um homem. Dói pensar num sistema conivente que fragiliza a tal ponto a posição da mulher, que ela se recolhe, com dor e vergonha, sabendo que não tem a força suficiente para ser ouvida. Dói pensar que a vítima desiste sabendo que tudo é impune”, afirmou Bruna.

 

 

Outras celebridades já se manifestaram contra o médium. Xuxa, Oprah, Ana Furtado e Camila Pitanga revelaram estar indignadas após as acusações virem à tona.

 

João de Deus está preso desde o dia 16 de dezembro, em Aparecida de Goiânia, acusado de centenas de abusos sexuais. A PCGO indiciou o médium nessa quinta (20) por violação sexual mediante fraude. Se condenado, ele pode pegar até 6 anos de cadeia. Ao todo, religioso responde a nove inquéritos. Um foi concluído e os outros estão em andamento.

Jornalista: Luiz Prisco

Fonte: Metrópoles/22/12/2018
Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter