13/06/2021

Dupla acusada de receptação de veículo é presa pela PRF em Caarapó

Uma equipe da Polícia Rodoviária Federal prendeu no último sábado (20), por volta das 10h28 a dupla Thiago Santos Avelino (22) e Gabriel Fernandes Santana (21). A ação ocorreu na BR 163 KM 261, no Posto PRF em Caarapó. Ambos são acusados de receptação de um  veículo pertencente à empresa Movida Locação de Veículos S.A.

Segundo o boletim de ocorrência por volta das 10h28 a equipe da Polícia Rodoviária Federal, abordou o veículo Renaut/Oroch 20 DYN42AT e no decorrer da abordagem, a equipe verificou que o automóvel estava em posse de pessoa distinta a que constava como locatária.

Ao contatar a locadora, esta comunicou que o veículo estava fora da área constatada em contrato. Sendo que posterior a isso, a locadora procedeu a um registro de apropriação indébita na Polícia Civil de São Paulo.

Na ocorrência registrada na cidade de Biritiba Mirim SP, o histórico da ocorrência, constava que a pessoa que se identificou como Weverson Lopes Silva

retirou da loja Movida de Congonhas/SP, conforme contrato de locação o referido veículo, com previsão de devolução na mesma loja em 21/03/2021.

Segundo o representante da empresa em virtude de vários furtos ocorridos com veículos da mesma empresa da mesma categoria da locadora Movida, adotou-se como procedimento de segurança a criação de medidas que alertassem o destino dos mesmos as regiões fronteiriças do Brasil, fato esse ocorrido nesta manhã e que levou a empresa a dotar ações saneadoras junto as autoridades regulares de Segurança Pública.

A empresa adotou providências no sentido de notificar a pessoa que se diz Weverson Lopes Silva, enviando no endereço declarado por aludido cliente, mais precisamente no município de Osaco, onde pode-se constatar a situação do veículo e afastar qualquer possibilidade de erro material, ficando evidente a inversão do título de posse, pois o cliente/usuário/locatário passou a ter a si um bem o qual tinha apenas a posse, utilizando-se e dispondo do mesmo como se seu fosse, entregando mencionado veículo para terceira pessoa.

Diante disso, foi dado voz de prisão aos dois ocupantes do veículo. Na oportunidade, Gabriel Fernandes Santana disse que foi contratado para levar o veículo até a cidade de Amambai e que receberia R$ 5 mil reais pelo serviço, tendo afirmado que já havia feito isso meses antes.

Já Thiago Santos Avelino, que conduzia o veículo no momento da abordagem afirmou que receberia de Gabriel Fernandes Santana um valor a ser combinado após a entrega do veículo.

Diante do exposto os envolvidos foram encaminhados até a Delegacia de Polícia Civil para que sejam tomadas as devidas providências.

Fonte:CAARAPONEWS