18/09/2021

Homem encontrado morto marcado a faca com símbolo de facção é identificado

A Polícia Militar já sabe quem é o homem que foi encontrado morto na estrada do Coxipó do Ouro, com requinte de crueldade e ainda teve a sigla do Comando Vermelho riscado a faca em uma de suas pernas. É o mecânico Geovane Lucas da Silva, 22 anos, que foi sequestrado de dentro de sua casa, no bairro Jardim Imperial II, na última sexta-feira onde estava com a esposa e dois filhos. O jovem foi identificado nesta terça-feira pela família que compareceu ao IML.

De acordo com a Polícia Civil, o corpo foi encontrado em avançado estado de decomposição, com marcas de tiros e um corte profundo no pescoço, o que inicialmente dificultou o reconhecimento por parte dos familiares.

Geovane foi sequestrado quando dormia com a mulher e os dois filhos. Na ocasião, os suspeitos arrombaram a porta da casa, apontaram uma arma para o jovem, agrediram e o levaram no porta-malas de um carro. Ele trabalhava como mecânico em uma oficina na Avenida das Torres e fazia uso de tornozeleira eletrônica.

De acordo com informações da Polícia Civil, uma equipe da DHPP foi acionada para atender uma ocorrência próximo às obras de pavimentação da rodovia MT-251, estrada do Coxipó do Ouro.

 

Ao chegarem ao local os policiais encontraram, às margens da rodovia, o corpo de uma pessoa do sexo masculino, já em início de estágio de decomposição. Ele tinha um corte no pescoço, provocado por arma branca e, segundo a delegada Alana Cardoso, da DHPP, também tinha marcado a sigla “CV” na perna.

Fonte;

Redação 24 Horas News | 11/09/2018
Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter