20/09/2021

PESQUISA: Instituto Ranking divulga nova pesquisa para governador do MS, VEJA OS NÚMEROS

Se as eleições para governador de Mato Grosso do Sul fossem hoje, o tucano Reinaldo Azambuja e o pedetista Odilon de Oliveira estariam dividindo a preferência majoritária dos eleitores. Segundo apurou a Ranking Comunicaçao e Pesquisas, o governador Azambuja lidera as intenções de voto e o juiz federal aposentado Odilon de Oliveira está em segundo lugar.

Na espontânea, Azambuja tem 20,75% da preferência, contra 15,50% de Odilon, 1,66% de Humberto Amaducci (PT), 1,41% de Júnior Mochi (MDB), 0,91% de Marcelo Bluma (PV). e 0,83% de João Alfredo (Psol). O ex-governador André Puccinelli (MDB), que não é candidato, foi mencionado por 0,25% das pessoas entrevistadas.

Os que pretendem anular o voto ou votar em branco e os indecisos somam 58,69%. Se forem somadaos as intenções dos votos válidos – excluidas as atribuídas a Puccinelli, os nulos, brancos e indecisos -, dentro da margem de erro haveria possibilidade de Azambuja se reeleger já no primeiro turno, porque sua votação (20,75%) supera a soma dos demais concorrentes (20,31%). A regra eleitoral determina que numa disputa de dois turnos não haverá necessidade de segundo turno se no primeiro um candidato ou uma candidata alcançar metade mais um dos votos dos concorrentes.

Na consulta estimulada o desenho é de eleição em dois turnos. Azambuja abre uma vantagem de quase oito pontos sobre Odilon (35,33% a 27,58%). No entanto, os outros candidatos também crescem e ajudam a transferir a definição sucessória para o segundo turno. Mochi tem 5,25%, Amaducci 3,50%, João Alfredo 3,08% e Marcelo Bluma 2,33%. O número de brancos, nulos e indecisos é bemmenor: 22.93%.

REJEIÇÃO – Com os nomes dos candidatos em uma lista, os entrevistadores perguntaram aos eleitores em qual deles não votariam de jeito algum. A|zambuja foi o mais citado, com 17,75%, seguido de Odilon (11,66%) e Mochi (10,25%). Com taxas menores estão Bluma (7.66%), Amaducci (6,58%) e João Alfredo (6.50%). Brancos, nulos e indecosos perfazem 39,60%.

Realizada entre os dias 29 de agosto a 03 de setembro, a pesquisa Ranking ouviu 1.200 eleitores e eleitoras de 20 municípios. Com um intervalo de confiança em 95% e margem de erros de 2,83% para mais ou para menos, a consulta está registrada na Justiça Eleitoral com os números MS-320/2018 e BR 5921/2018.

A Ranking coletou os dados nos seguintes municípios; CAMPO GRANDE, SIDROLÂNDIA, MARACAJU, DOURADOS, PONTA PORÃ, AMAMBAÍ, CAARAPÓ, NAVIRAÍ, IVINHEMA, NOVA ANDRADINA, RIO BRILHANTE, CORUMBÁ, MIRANDA, AQUIDAUANA, ANASTÁCIO, SÃO GABRIEL DO OESTE, COXIM, PARANAÍBA, APARECIDA DO TABUADO e TRÊS LAGOAS.

Fonte;Diario da Midia/04/09/2018

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter