30/11/2021

PMA autua produtor rural por desmatamento e exploração ilegal de madeira e apreende 293 estacas de aroeira

IMG-20180824-WA0010Campo Grande (MS) – Um desmatamento ilegal foi descoberto no município de Corumbá hoje (24), quando Policiais Militares Ambientais de Corumbá realizavam fiscalização no assentamento rural Tamarineiro II. O dono de um lote desmatou com uso de máquina de esteira, uma área de vegetação nativa que os policiais mediram em GPS e aferiram 1 hectare.

Diversas árvores de grande porte das espécies aroeira, angico, louro-amarelo, entre outras, encontravam caídas ao solo e parte da madeira, especialmente, a proveniente das árvores da espécie aroeira derrubadas estava sendo explorada como estacas para cerca, havendo 293 estacas já cravadas ao solo. As atividades foram interditadas e a madeira foi apreendida.

O pecuarista (27), residente no assentamento, foi autuado administrativamente e multado em R$ 5.000,00. Ele responderá por crime ambiental de desmatamento ilegal, com pena de três a seis meses de detenção e por exploração ilegal de madeira, com pena de seis meses a um ano de detenção.

 O infrator também foi notificado a apresentar um Plano de Recuperação de Área Degradada e Alterada (PRADA), junto ao órgão ambiental.

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS – (24/08/2018