21/09/2021

PMA prende e autua em R$ 2,2 mil dois pescadores profissionais por pescar durante a piracema no rio Aquidauana

 

 

IMG-20180209-WA0015

Campo Grande (MS) – Policiais Militares Ambientais de Campo Grande receberam informações de que dois elementos estariam pescando durante à noite no período de defeso (piracema) na região do loteamento Nuara, à margem do rio Aquidauana, no município de Terenos. A equipe foi ao local hoje de madrugada (9) em uma estrada vicinal por onde os pescadores denunciados passariam na saída da pescaria.

Às 5h30, os Policiais abordaram um veículo Fiat Uno onde os pescadores estavam, porém, não havia peixe. Eles confessaram a pescaria e informaram que deixaram os peixes em um rancho à margem do rio. A equipe foi ao local e encontrou em um frízer 20 kg de pescado, que os infratores haviam capturado durante à noite. O pescado foi apreendido

Os pescadores profissionais, de 40 e 41 anos, residentes em Aquidauana, que são reincidentes no crime de pesca, receberem voz de prisão e foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil de Terenos, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca predatória e saíram depois de pagar fiança. A pena prevista é de um a três anos de detenção.

Cada infrator também foi autuado administrativamente e multado em R$ 1.100,00. Os peixes serão doados para instituições filantrópicas, depois de periciados.

Fonte;ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS /09/02/2018

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter