Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email
Share on google
Share on whatsapp

Reforços do Cruzeiro, zagueiros Ramon e Marllon têm experiências de acesso na Série B

O Cruzeiro ganhará dois reforços com experiências importantes na Série B do Campeonato Brasileiro. Os zagueiros Ramon e Marllon participaram dos acessos de Vitória e Atlético-GO, respectivamente. Eles chegam nesta sexta-feira na Toca da Raposa II para assinar contrato e se juntar a outros atletas da posição: Cacá, Leo, Arthur, Edu e Paulo.
Ramon, de 24 anos, foi peça importante no Vitória que terminou a Série B de 2015 na terceira colocação, com 66 pontos. Além de ser titular em 31 das 38 rodadas, o camisa 4 foi substituído apenas uma vez, no intervalo do empate com o Mogi Mirim (1 a 1), em 13 de junho, pela sétima rodada.
O defensor também não completou o duelo contra o ABC, em que o Vitória ganhou por 2 a 0, em 20 de junho, pela oitava rodada. Aos 36 minutos do segundo tempo, tomou cartão vermelho por um lance curioso: usou a mão para tirar uma bola em cima da linha. O goleiro Fernando Miguel defendeu a cobrança de pênalti do atacante Kayke.
Na Série B, Ramon marcou o primeiro gol do Leão no triunfo por 2 a 1 em cima do Criciúma, no Barradão, em Salvador, pela quinta rodada. Ele se posicionou na entrada da área e cabeceou no canto esquerdo a bola lançada por Escudero em escanteio.
Em 2016, foi a vez de Marllon cumprir bom papel na segunda divisão como capitão do Atlético-GO, campeão com muita folga ao somar 76 pontos, dez a mais que o segundo colocado Avaí. Titular em 36 rodadas, o jogador de 1,86m fez dois gols na competição.
Os dois jogadores têm perfis distintos. Ramon é versátil, se destaca pela boa saída de bola e pode exercer as funções de lateral e volante. Por sua vez, Marllon se posiciona pelo lado direito da zaga, dedicando-se preferencialmente às obrigações defensivas.

Em janeiro, Ramon chegou a treinar na Toca, mas não permaneceu por causa de divergência no pré-contrato fechado na gestão do ex-presidente Wagner Pires de Sá. A pedido do técnico Adilson Batista, o Cruzeiro retomou a procura e acertou com o zagueiro remuneração 60% inferior, com opção de renovação até dezembro de 2022.

Já o negócio por Marllon, do Corinthians, é por empréstimo de uma temporada, com os salários divididos entre os clubes e sem os direitos econômicos fixados. O jogador de 27 anos disputou 13 partidas pelo Timão em 2019 – sete no Campeonato Brasileiro.

Fonte: postado em 06/03/2020 06:00 / atualizado em 05/03/2020 21:10