20/10/2021

Todos deputados de MS votam pela cassação do mandato de Flordelis

Flordelis se defendeu das acusações durante discurso em Plenário.

A deputada federal Flordelis (PSD-RJ) perdeu o mandato nesta quarta-feira após votação do Plenário da Câmara dos Deputados. Foram 437 votos favoráveis, 7 contrários e 12 abstenções. O que chama atenção é o registro de um dos raros momentos que a bancada federal de Mato Grosso do Sul voto de forma igual.

Todos os oito deputados que representam o Estado votaram a favor da cassação do cargo da parlamentar acusada pelo Ministério Público carioca de ser mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019.

Para cassar o mandato de Flordelis eram necessários ao menos 257 votos favoráveis. Ela perdeu o mandato e fica inelegível por oito anos, conforme a Lei da Ficha Limpa. Quem assume é o suplente, Jones Moura (PSD).

Conforme o relator do processo no Conselho de Ética, o deputado Alexandre Leite (DEM-SP), a parlamentar usou o mandato para coagir testemunhas e ocultar provas. Ele ressaltou que a análise se limitou a fatos considerados antiéticos, sem entrar no mérito de quem é o culpado da morte do pastor Anderson do Carmo.

Flordelis tentou se defender pessoalmente, no Plenário. Em seu discurso ela reafirmou ser inocente. “Caso eu saia daqui hoje, saio de cabeça erguida porque sei que sou inocente, todos saberão que sou inocente, a minha inocência será provada e vou continuar lutando para garantir a minha liberdade, a liberdade dos meus filhos e da minha família, que está sendo injustiçada’, declarou.

Fonte:Campo Grande News

(Foto Cleia Viana/Câmara dos Deputados)

Atualizado para hoje:

 

Share this...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter